O traumático

A psicanalista Daniele John traz contribuições importantes para pensarmos as aberturas possíveis diante do evento traumático, sempre único e inédito. A autora infere sobre a possibilidade de nomear o que antes não tinha representação, com o trabalho de ressignificação em análise. Ao pensar o fenômeno a posteriori (Nachträglichkeit) em sentido amplo, associado aos novos níveis de compreensão do sujeito sobre si-mesmo.


*Trecho da minha dissertação de mestrado O tempo e o impacto da experiência estética na Era da Pre(s)sa: psicanálise e teatro performático


JOHN, Daniele. Reinventar a vida: narrativa e ressignificação na análise. São Paulo: ideias e letras, 2015.



0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo